TECNOLOGIA


Toda rara tecnologia encontrada é sucateada sendo uma peça rudimentar do que já foi um dia no passado. Luz elétrica é muito rara, sendo um privilégio de poucas aldeias graças a reatores de algum tipo. Saneamento básico é quase inexistente.

Todo conhecimento medico fica a cargo de sábios e sacerdotes das aldeias, da qual provavelmente herdaram o conhecimento de seus pais. Ciência e medicina são praticamente uma religião dos sábios. Ainda é possível encontrar algum equipamento medico rudimentar e a fabricação de “poções” medicinais é comum nas comunidades.

Próteses mecânicas são comuns, apesar de bem rudimentares.

Em quesitos de armas existem os mais variados tipos, já que quase tudo neste universo pode ser adaptado e transformado em um objeto mortal.

Dentre as armas mais comuns estão as de combate corpo a corpo, tais como tacapes rudimentares cobertos por pregos, facões, facas, espadas, machados velhos e etc. Também é fácil de encontrar arcos, bestas e lanças. Explosivos e armas de fogo de qualquer porte são privilégio para poucos, inclusive a munição para os mesmos.

Não e raro encontrar algum tipo de arma rudimentar exótica criada por alguém com habilidades notáveis para tais ou armas antigas modificadas.


 Geralmente “engenheiros” de armas e veículos são extremamente cobiçados neste mundo. Muitos deles são caçados e escravizados por clãs selvagens.

As vestimentas normalmente são trapos ou vestimentas rudimentares feitas de restos de tecido encontrados pela região. Existem diversos grupos que nem mesmo roupa utilizam.
É comum encontrar diversos tipos de armaduras feitas de todo tipo de material que se possa imaginar. Assim, pode-se encontrar desde armaduras de metal, plástico, madeira, borracha ou qualquer outro material resistente confeccionado por algum “engenheiro”.


Os veículos adaptados são os itens de maior valor encontrados, sendo privilégios de poucos grupos obviamente. Qualquer tipo de veículo motorizado é muito cobiçado e até mesmo adorado por certas “religiões”.



Nenhum comentário:

Postar um comentário